Imprevisível

Tudo flui no invisível.

Na nudez das palavras,

no afeto expandido,

no destino alinhavado, mesmo que a distância.

Quem saberá ao certo de onde vem essa presença tão poderosa que

transborda o dia,

as horas,

invade as estações,

e mesmo desengonçado ilumina,

sem me cansar.

É tudo invisível.

O abraço,

o olhar e o sorriso largo que eu gosto de olhar.

Imprevisível.

Texto e foto: Yve de Oliveira

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s